domingo, 23 de março de 2008

Unidade é Mandamento- Silvio Maria

Unidade é Mandamento e Não Opção!!!!


No evangelho de João 17.17-23 nos diz:

17 “Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. 18 Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
19 E a favor deles eu me santifico a mim mesmo, para que eles também sejam santificados na verdade.
20 Não rogo somente por estes, mas também por aqueles que vierem a crer em mim, por intermédio da sua palavra;
21 a fim de que todos sejam um; e como és tu, ó Pai, em mim e eu em ti, também sejam eles em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste.
22 Eu lhes tenho transmitido a glória que me tens dado, para que sejam um, como nós o somos;
23 eu neles, e tu em mim, a fim de que sejam aperfeiçoados na unidade, para que o mundo conheça que tu me enviaste e os amaste, como também amaste a mim”.


Os quatro evangelhos nos contam como o Senhor Jesus despendeu três anos e meio para ensinar os seus discípulos. Embora muitos dos seus ensinamentos estejam registrados nos evangelhos, o Senhor disse no evangelho de João que ainda tinha muitas coisas para dizer que os discípulos não podiam suportar.
Então o Senhor lhes disse que morreria e ressuscitaria e estaria para sempre com eles até o fim dos tempos.
Após a sua ressurreição quando recebeu todo poder no céu e na terra disse a seus discípulos-vão e façam discípulos de todas as nações.
Mesmo assim logo após a sua morte e ressurreição o Senhor os ensinou ainda por quarenta dias no que diz respeito ao reino de Deus.
Amados irmãos a oração do Senhor aos seus discípulos, revela os anseios mais íntimos do coração do Senhor.
Todo crente todo cristão, todo nascido de novo, todo filho de Deus, todo discípulo, todo aquele que sinceramente ama ao Senhor nosso Deus e que coloca o seu reino em primeiro lugar deveria prestar muita atenção para o que o Senhor da glória esta revelando em João17, o Senhor esta revelando algo do seu coração.
Infelizmente não temos prestado a devida atenção a João17.

Em Jo17:21 o Senhor ora ao pai dizendo:
Como és tu, ó pai em mim e eu em ti, também sejam eles em nós.”
Eu sei que muitos não gostam dessas palavras.
Mas o padrão do nosso Deus para a comunhão cristã é: “Como és tu, ó pai em mim e eu em ti, também sejam eles em nós.”

Não pode haver discórdias, na comunhão cristã, não pode haver desavenças na comunhão dos filhos de Deus, não pode haver disputas no meio do povo de Deus.

Amados irmãos, será que podemos imaginar algum tipo de discórdia, entre o pai e o filho? Será que podemos imaginar alguma desavença entre o pai e o filho? Será que podemos imaginar alguma disputa entre o pai e o filho? Será que podemos imaginar alguma desarmonia, algum desacordo entre o pai e o filho?

O que muitos dizem

Agora sabe o que é que muitos cristãos andam dizendo por ai?
Lá no céu vai ser maravilhoso, lá no céu vai ser uma maravilha, lá não vai ter eu sou Batista, lá não vai ter eu sou Metodista, lá não vai ter eu sou Luterano, lá só vai haver uma igreja. Lá no céu, vai haver uma só igreja.

Mas eu pergunto ? o verso 21 de Jo 17 nos diz:
Para que o mundo creia.”
O problema não esta no céu, o problema está aqui na terra.

→ Lá no céu não haverá pecadores necessitando de salvação;
→ Lá no céu não haverá oposição do mundo ao reino de Deus;
→ Lá no céu não haverá oposição das trevas ao plano do nosso Deus.

O que o Senhor Jesus esta dizendo é que a unidade dos seus discípulos, aqui na terra, mostra ao mundo que o amor do Senhor foi derramado em nossos corações.
E que agora através da sua igreja o Senhor Jesus fique conhecido como aquele que nos livrou da vã maneira de viver.

Muitos não gostam dessa mensagem, mas eu prego com satisfação e com alegria.
Muitos não gostam dessa mensagem por causa do amor ás suas conveniências, por causa do amor ás suas denominações e não pelo amor á palavra do nosso Deus.
A unidade da igreja tem que ser algo prático, a unidade da igreja tem que ser algo visível.
Por isso que o amor a uma denominação é o maior obstáculo para amarmos os nossos irmãos.
Como é que o mundo vai ver o amor dos discípulos se a unidade for invisível? O Senhor Jesus disse:
Pai que eles sejam um para que o mundo creia que tu me enviaste.”

Hoje a igreja ainda não tem manifestado todo seu poder e força porque carecemos de unidade.

→ Queremos ser como a igreja do primeiro século, mas onde esta a unidade?
→ Queremos ser como os discípulos do primeiro século, mas onde esta a unidade?
→ Queremos ser como os vencedores da igreja de Filadélfia, mas onde esta a unidade, onde esta o real envolvimento com a vontade do nosso Deus?

Eu não quero ofender ninguém, mas temos que nos examinar:

→ Reuniões de oração sem unidade não significam nada!
→ Reuniões nas casas sem unidade para nada contribuem!
→ Sair para pregar o evangelho, requer unidade;
→ Sem sermos um, sem termos um real envolvimento na vontade de Deus, todas as nossas ações, todas as nossas obras serão como feno, palha e madeira. Haverá corre, corre e muita fadiga, mas será algo sem valor, será algo vão, sem nenhum valor diante do nosso Deus.

Satanás o Diabo, o nosso adversário bem sabe que uma casa dividida não subsistirá, e está casa somos nós, casa espiritual do nosso Deus.
Porque Satanás sabe que:
Sempre que houver unidade haverá presença gloriosa do Senhor Jesus, que quando há unidade haverá dons, que quando há unidade haverá cura, que quando há unidade haverá manifestação do espirito santo.

Que quando há unidade, haverá alegria, haverá satisfação e haverá o cuidado de uns pelos outros.

Ouça igreja se desejamos um verdadeiro mover do nosso Deus nas cidades do nosso Brasil precisamos ser um, com os nossos irmãos, precisamos de unidade.
Não interessa quem esta certo, não interessa quem esta errado, a verdade é que pelo tempo decorrido temos é que deixar as coisa de menino, precisamos ser um, precisamos de unidade.
Precisamos ser um, precisamos ter a mesma mente de Cristo Jesus que era um com o pai.

Já é tempo de taparmos a boca de Satanás.”

Já é tempo de expressarmos a vitória de Cristo Jesus, sobre a carne, sobre o mundo sobre o pecado e sobre Satanás, em perfeita unidade com todo o povo de Deus. Em perfeita unidade com todos os nossos irmãos.

Se lermos a bíblia com atenção, veremos que os apóstolos zelavam pela unidade do povo de Deus, em obediência as ordens de Cristo Jesus. Quando havia qualquer possibilidade de divisão na unidade prática das igrejas em cada cidade, os apóstolos imediatamente procuravam corrigir e em alguns casos até enfaticamente combatiam a possibilidade de divisão.

Quase todas as cartas de Paulo fazem alguma advertência com relação ao problema das divisões e a importância da unidade.

Os apóstolos zelavam pela unidade do povo de Deus.
Paulo escreveu a igreja em Roma e no cap. 16 Paulo dá sérias advertências. Sabe o que Paulo diz? Paulo diz que:

Os que provocam divisões não servem a Cristo Jesus.”
É isso que Paulo diz inspirado pelo Espírito Santo: os que provocam divisões não servem a Cristo Jesus.
Quando Paulo escreve ás igrejas na Galácia no cap. 5 a advertência é também bastante séria, e Paulo diz que:

Os que praticam inimizades, discórdias e divisões não herdarão o reino de Deus.”

Quando Paulo escreve á igreja de Éfeso, escreve dizendo aos Efésios no 2º cap:

“A cruz de Cristo Jesus, rompeu duas barreiras. O véu do santuário foi rasgado, destruindo a inimizade que havia entre os homens e o nosso Deus. E diz também que a parede de separação foi derrubada, destruindo a inimizade entre o homem e o homem.”

A cruz aniquilou a inimizade entre judeus e gentios. Amados irmãos a inimizade foi aniquilada na cruz. A inimizade foi aniquilada na cruz.

Não podemos anular o sacrifício do Senhor Jesus na cruz do calvário vivendo em desunião.

Mas infelizmente as inimizades hoje no meio do povo de Deus, as inimizades no meio da igreja, as inimizades no meio das famílias cristãs, são a mais completa negação do sacrifício do Senhor Jesus na cruz do calvário.
O meu desejo, o desejo do meu coração é que o Senhor produza em nós arrependimento, que realmente produza em nós um verdadeiro arrependimento.
Paulo ainda diz a igreja em Éfeso, que aqueles que o senhor recebeu:
“São um só corpo, que são uma só família e que o propósito do Senhor é levarnos a unidade da fé como um corpo bem ajustado trabalhando, harmoniosamente para o supremo propósito de Deus.”

Hoje queremos que o Senhor venha, mas será que o Senhor virá buscar uma igreja manchada e defeituosa, cheia de facções, inimizades e divisões?

Sabe o que é que mais se vê hoje no meio do cristianismo, é uns lutando contra os outros, o que se vê são inimizades, o que se vê é orgulho e mais divisões, divisões e mais divisões, divisões e mais divisões.
É por isso que a evangelização é grandemente anulado em nossos dias, nós, isso mesmo, nós somos os culpados, temos sido pedra de tropeço para o mundo lá fora.

Esta é a verdade.

O meu serviço como servo do Senhor é soar a trombeta.
E que o Senhor nos conduza ao arrependimento.
Paulo ainda escreveu a igreja em Corinto, e esta foi a situação mais crítica. E é por isso que Paulo foi mais enérgico, e os advertiu e os chamou de carnais e os chamou de criancinhas em Cristo Jesus.
Se Paulo chamou a igreja de Corinto de carnais e de criancinhas em Cristo, apenas porque havia entre eles preferências entre os pregadores, imaginem o que Paulo diria de nós hoje, que além de estarmos cheios de discórdias como eles, ainda por cima estamos separados fisicamente por denominações e inúmeros ministérios inventados pelos homens.

Hoje em dia a situação é assim:

-Você pensa assim, abre a sua igrejinha ali; eu penso diferente e abro a minha igrejinha aqui e cada um faz a sua igrejinha.
-
Eu não quero ofender ninguém; mas isto é uma vergonha, a nossa situação é bem pior que a igreja em Corinto.
O que necessitamos é de um profundo arrependimento.

Encerro este importante assunto para as igrejas Brasileiras de cada cidade dizendo que amo a todos os meus irmãos que estão divididos nas mais variadas denominações.
Mas não posso concordar com o sistema denominacional. Porque o sistema denominacional na realidade divide a igreja em várias facções, e como já vimos muito pior do que o que havia em Corinto.

A verdade é que entristece o coração do nosso Deus ver os seus filhos separados, mas não é só estarmos separados, mas estarmos separados e ainda assim estarmos satisfeitos e contentes com a separação.
Encerro dizendo que é INCONTESTÁVEL pela palavra de Deus que o Senhor Jesus não concorda com as divisões no meio do seu povo.
Mas infelizmente muitos e muitos filhos de Deus mesmo depois de 10, 20 ou 30 anos de vida cristã não sabem o que é a igreja.

Não é possível ficarmos falando de unidade, que somos um só, estando divididos por nossas denominações e tão amadas doutrinas, costumes, tradições e individualismo.
Se não atentarmos para a palavra de Deus o cristianismo continuará se dividindo mais e mais a cada dia.
Gostaria que todos que estão ouvindo estas palavras, acatassem essas palavras ou as divisões continuarão mais e mais a cada dia.
E o Senhor não terá como realizar a sua obra nas cidades do nosso Brasil.
O meu serviço como servo de Deus é soar a trombeta. O meu serviço é falar-lhes as verdades em amor.
Não quero ensinar nada diferente do ensinamento dos apóstolos.

É tempo de despertarmos.

É tempo de nos envolvermos com a vontade do nosso Deus.
É tempo de tomar-mos o caminho da unidade da fé.

Um só Deus;
Um só Senhor;
Um só Espírito;
Um só Cristo;
Um só corpo;
Um só testemunho;
Um só Ensinamento;
Uma só Obra;
Uma só Igreja.

Porque diante do tribunal de Cristo Jesus seremos inescusáveis por não obedecermos aos seus mandamentos.

“Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo”. 2 Co 5.10



Extraído do programa de rádio:
“ Para onde vamos como Igreja em Alegrete ?”
Rádio gazeta 1370 KHz RS

ccc.riogrande@gmail.com
http://Alimentosolido.blogspot.com

Nenhum comentário:

Irmãos em Cristo Jesus.

Irmãos em Cristo Jesus.
Mt 5:14 "Vós sois a luz do mundo"